🥇 Será que Você Sabe o Que Está Comendo? [DESCUBRA AQUI] 🤔

Sempre que a gente pensa em reeducação alimentar, vem a mente produtos frescos, legumes, frutas e verduras gostosas e saudáveis para comer. No entanto, quando você coloca um prato com legumes frescos na mesa, você realmente sabe o que está comendo?

Apenas no ano de 2019 o uso de agrotóxicos no Brasil aumentou em 21% no Brasil. E você sabe o que os agrotóxicos podem fazer com o seu corpo?

Entre elas:

  • Problemas neurológicos;
  • Problemas motores;
  • Problemas Mentais;
  • Distúrbios de comportamento;
  • Problemas na produção de hormônios sexuais;
  • Infertilidade;
  • Puberdade precoce;
  • Má formação fetal;
  • Aborto;
  • Doença de Parkinson;
  • Endometriose;
  • Atrofia dos testículos e câncer de diversos tipos.

Portanto é muito importante saber o que a gente está colocando pra dentro do corpo. Pois alguns caminhos não tem volta e ninguém aí quer partir antes da hora não é mesmo?

Dai você pensa: ah, tranquilo! Eu como praticamente tudo integral. Estou livre destes riscos! E é ai que você se engana. Os riscos para produtos integrais é grande!

E se você decidir ler este texto até o final, vai entender o que eu estou falando.

Produtos integrais trazem risco a nossa saúde?

Quando eu decidi que precisava rever a minha alimentação, uma das primeiras coisas que fiz foi ir ao supermercado e comprar coisas integrais.

Assim como você eu achava que elas eram mais são saudáveis, e que não iam me deixar engordar. Entretanto, eu cometi um grande erro!

E descobri isso quando fui ler os rótulos e notei que esses alimentos são uma farsa! Descobri que muitos alimentos vendidos como integral na verdade eram alimentos comuns com uma mínima quantidade de ingredientes integrais.

Ou seja: toda vez que eu comprei pão integral, pão com grãos ou produtos sem glúten descobri que eles tinham mais farinha branca ou enriquecida algo cancerígeno, além de estarem cheios de gordura hidrogenada.

Indignada, decidi pesquisar sobre. Foi quando entendi que a tabela nutricional é ordenada por ordem de quantidade de produtos presentes na fabricação.

Grande: O primeiro ingrediente da lista é o que apresenta maior quantidade no produto.

E quando estamos falando para os diabéticos temos que considerar o consumo regular de produtos integrais permitidos na dieta. O motivo é simples: eles são ricos em fibras, alimentos que produzem mais insulina do que alimentos processados.

Por isso tenha em mente que produtos integrais tem mais açúcar e mais gordura. Portanto isso precisa ser isso tem de ser levado em conta e as quantidades consumidas devem ser menores.

Direito do Consumidor – Lei tem que ser levada a sério

assortment of baked bread on wood table

De acordo com entrevista fornecida a imprensa geral, afirmou o presidente da Anvisa, Jarbas Barbosa:

 “O consumidor tem de ter o máximo de informação para poder diferenciar alimentos e não ser enganado”, recomenda que pessoas analisem as tabelas nutricionais antes de comprar produtos.

Por isso, vamos falar sobre 10 produtos que mais enganam os brasileiros?

Começando pelo inimigo número um de toda dieta, os refrigerantes!

1) Refrigerante light

Você também achava que ele era bom né? Contudo, de acordo com os nutricionistas, o refrigerante light não tem valor nutricional relevante e rouba o cálcio do organismo por causa do alto teor de fósforo.

2) Sucos de caixinha

Você achou que bebe um suco de caixinha era bem melhor do que refri né? Ledo engano! Beber suco de caixa é tomar muitos conservantes e açúcares. Muitas vezes em quantidades maiores do que o próprio refrigerante.

3) Sopa industrializadas 

Ok, elas até contém poucas calorias. Contudo, sopas light não são recomendadas por conta da alta quantidade de sódio. Além disso, não têm outros valores nutricionais relevantes para o organismo.

4) Pêssegos em calda

Então você pensa: são frutas, frutas não fazem mal! Entretanto, apesar de serem frutas, as em calda contêm muito açúcar e devem ser evitadas. Prefira as frutas como são naturalmente e, se puder, coma com a casca.

5) Chá de sachê

Os chás em pó e de sachê são fáceis de comprar e consumir, mas não trazem os mesmos benefícios que os chás feitos de ervas frescas ou secas.

Os das plantas, em geral, conservam mais os nutrientes do que os embalados. Até porque se você olhar direito nos ingredientes verá que não é exatamente o que está escrito bem grande na caixa.

6) Miojo

Ele entra no mesmo quesito que as sopas: tem muito sódio, a massa não é nutritiva, por conta de ser pré-cozida para fazer rápido.

7) Biscoito

Alguns biscoitos de água e sal também têm gordura e sódio, inclusive em suas versões integrais. No caso do Club Social, por exemplo, quando você come, você percebe que tem gorduras que chegam a ficar ao redor de seus lábios, e você sente na língua, então leia o rótulo antes de comprar qualquer biscoito.

8) Legumes em conserva

Os legumes em conserva também perdem boa parte de seu valor nutritivo. Além disso, eles têm sódio. A OMS recomenda que adultos consumam menos de 2 gramas de sódio por dia. Então evite alimentos em conserva, ou faça em casa, vai ficar muito mais gostoso e sem conservantes.

9) Legumes já cortados

Quando for comprar legumes, opte pelos alimentos frescos e com cascas. Legumes já cortados perdem um pouco dos nutrientes e ainda assim podem estar contaminados ou até aproveitados de produtos que já não estavam bom para consumo.

10) Barra de cereal

Há uma grande variedade de barras de cereal no mercado. Algumas, de fato, são ricas em fibra e retardam a absorção de glicose. Outras são mais calóricas. É importante ver no rótulo antes de comprar.

Portanto, fique atenta! Prefira sempre os produtos orgânicos. Cuide com a origem dos alimentos e mantenha uma rotina que te permita ir ao médico de vez em quando para saber como está a sua saúde!

Para mais conteúdo, clique aqui.

Leave a Reply